Posts escritos por: Débora Costa

Resenhas 22abr • 2018

Um Amor Perdido, por Alyson Richman

Eu preciso dizer que estou um tanto quanto enjoada depois de ler esse livro. Apesar de ser uma história de amor poderosa, os personagens desse livro passam por sofrimentos inimagináveis e a escrita poderosa de Richman, fez com que eu conseguisse sentir na pele cada uma das dores que eles sentiram. Apesar de ser um romance, Um Amor Perdido é um enredo que fala muito sobre perdas e separações. Eu me emocionei com cada capítulo desse livro, ao mesmo tempo que sentir meu peito apertar ao mergulhar em tudo o que esses personagens viveram.

O enredo de Um Amor Perdido é divido de uma forma que eu achei bem interessante. Nós temos o Josef contando a sua história no presente, que seria o período “pós-guerra” e Lenka contando a sua história no período que ocorreu a segunda guerra mundial. Ambos possuem uma narrativa muito forte e rica em detalhes para te fazer mergulhar em tudo o que viveram durante os anos em que se viram obrigados a ficar separados um do outro. Leia mais

Entrevistas Promoções 20abr • 2018

Entrevista com Guss de Lucca, autor de O Monstro + Sorteio

O Monstro é um livro que tem aparecido bastante aqui no blog. Essa fantasia nacional traz um enredo completamente original e diferente de tudo o que nós já lemos. Se você acha que uma história de fantasia não precisa ser parte de uma saga ou trilogia e que o gênero está saturado de aventuras protagonizadas por guerreiros e magos, esse livro foi escrito para você. Foi pensando nisso que eu resolvi fazer um bate-papo com o autor do livro, Guss de Lucca, para que vocês pudessem conhecer um pouco mais do que está por trás da criação desse universo.

O Monstro partiu da ideia de abordar um universo fantástico pela perspectiva de jovens agricultores. A história acontece num lugar em que não existem elfos, orcs e anões – mas onde as lendas ainda influenciam o imaginário popular e desencadeiam conflitos armados. Guss de Lucca cresceu envolto pelos jogos de RPG e histórias de fantasia. E seu livro foi a sua forma de agradecimento ao gênero que o acompanhou em momentos tão importantes. Leia mais

Resenhas 19abr • 2018

Uma Proposta e Nada Mais, por Mary Balogh

Existe uma squad de autoras de romance de época que eu amo de paixão e Mary Balogh, definitivamente faz parte desse time incomparável de escritoras. Sua nova série, Clube dos Sobreviventes, chegou aos leitores brasileiros para mostrar que ela não é só uma escritora maravilhosa, mas também é capaz de criar os enredos mais interessantes e os melhores diálogos que uma apaixonada por romances de época como eu poderia querer. Uma Proposta e Nada Mais é o primeiro livro desta nova série e seus personagens não deixam a desejar. Com um enredo criativo e personagens inteligentes, este novo romance de Mary Balogh vai ser a melhor leitura que vocês poderiam colocar na estante.

Clube dos Sobreviventes me lembrou bastante de O Clube dos Canalhas, da Sarah Maclean, exceto pelo fato de que neste caso não temos uma casa de jogos, mas sim um grupo de pessoas unidas pela dor. Podemos esperar personagens atormentados de dor, culpa ou até mesmo arrependimento, tudo o que compõe um bom romance de época e revela heróis e heroínas ainda mais interessantes. No caso de Uma Proposta e Nada Mais, primeiro livro da série, conhecemos Gwen e Hugo, dois personagens que perderam muito ao longo da vida e que buscam uma forma de continuar com suas vidas solitárias. Leia mais

Lançamentos 18abr • 2018

Fantasia e horror compõe o enredo de Jardim dos Famintos

 

O livro que eu venho apresentar para vocês hoje é um desafio para aqueles que são tão apaixonados por fantasia como eu. Adams Pinto traz uma proposta completamente nova para o gênero em seu livro Jardim dos Famintos onde, não é apenas um mundo fantástico que aguarda o leitor, mas também muito mistério e horror para nos dar aquele frio na boca do estômago e nos prender até a última página.

Eu conheci o Adams através do Instagram e quando ele me apresentou o enredo do livro dele, eu fiquei completamente apaixonada por essa proposta. Eu tenho uma “queda” enorme por livros de fantasia, principalmente por causa de V.E.Schwab e Sarah J. Maas, mas o Adams chamou a minha atenção por trazer um algo “a mais” para o seu enredo, o terror. Leia mais

Séries & TV 17abr • 2018

Alexa & Katie é o meu novo Girl Meets World

Eu provavelmente nunca contei para vocês que o meu fraco no mundo são essas séries adolescentes que não foram feitas para mim, mas para um público muito mais jovem. Talvez eu realmente não tenha idade para assistir essas coisas mas essas séries tem um tom cômico que eu gosto muito e estão sempre dando espaço para falar de coisas muito importantes. É impossível não se apaixonar por uma série que mostra uma atmosfera positiva e trata de assuntos como feminismo e “pessoas mudam pessoas” de uma forma tão leve, não é mesmo?

Para a minha sorte, a Netflix resolveu investir nesse tipo de conteúdo e, embora ela tenha me decepcionado bastante não tendo comprado os direitos de produção de Girl Meets World, a bonita conseguiu se redimir quando anunciou Alexa & Katie. O show é basicamente o que nós conhecemos como sick-lit, mas sem toda aquela parte do romance e do sofrimento. Pelo contrário, em Alexa & Katie – graças a um milagre dos céus – o assunto principal é a amizade entre as duas protagonistas e como elas estão enfrentando juntas o fato de que Alexa está com câncer e, por conta do tratamento ela acaba tendo que se ajustar a uma rotina totalmente nova. Leia mais

Entrevistas Promoções 16abr • 2018

Q&A: Uma conversa com Marie Lu sobre Warcross + Sorteio

Um pouco de competição é uma coisa boa. Muito disso pode ser perigoso para sua saúde. Este mês, Marie Lu, autora de Legend e The Young Elites, apresenta aos leitores um novo tipo de torneio, uma incrível realidade virtual repleta de coisas sensacionais, aventuras ousadas … e perigos assustadores.

Com um toque de alta tecnologia que vemos em The Hunger Games, misturados com um pouco de Jogador N° 1 e Snow Crash, Warcross é um thriller de ficção científica exuberante envolvendo uma heroína resistente e inteligente, Emika Chen. Emika não é uma concorrente comum. Hacker e caçadora de recompensas, ela entra no mundialmente famoso torneio Warcross como espiã. Fama e fortuna aguardam o vencedor – mas traição e ruína devastadoras se escondem a cada esquina.

Marie Lu, que trabalhou na indústria de videogames antes de se tornar autora de best-sellers, responde algumas perguntas sobre abraçar sua Emika interior, com seus colegas Slytherins (em seus sonhos mais selvagens de Hogwarts) e encontrar inspiração em sua ocasionalmente sombria e deprimente caverna. Leia mais

Recebidos do Mês 14abr • 2018

Tour dos recebidos: o que tem de novo na estante

Eu realmente gosto de mostrar para vocês alguns dos livros que chegaram no blog ao longo dos meses, o único problema é que, às vezes, eu esqueço de fazer esse post e os livros acabam acumulando e, quando eu dou por mim, eu tenho um monte de livro para mostrar e o post acaba ficando enorme. Será que vocês conseguem perdoar esse vacilo?! Eu recebi muita coisa legal em março/abril que eu acho que vocês iam gostar muito de conferir, sério!

Se você gosta de romance de época como eu – porque eu sou praticamente uma viciada, eu recebi Uma Proposta e Nada Mais, da editora Arqueiro, que é o novo livro da Mary Balogh, uma autora que a gente já conhece bastante e ama demais. Eu também recebi da editora Record, o seu mais novo lançamento, Um Reino de Sonhos, um romance de época da Judith McNaught que, por sinal, vai ser a minha primeira leitura, então eu estou muito animada, né?!

Também recebemos alguns livros bem interessantes como A Tenda Vermelha, que é o livro baseado naquela adaptação que vocês provavelmente já viram no catálogo da Netflix. Numa narrativa envolvente, Anita Diamant resgata esse olhar feminino e dá vida às personagens bíblicas, recriando o ambiente em que viveram, seu cotidiano, suas provações e suas paixões. Intrigados? Eu também. Leia mais

Entrevistas 13abr • 2018

Uma conversa com Jenn Bennett, a autora de O Cara dos Meus Sonhos (ou quase)

Estamos aqui para conversar sobre Jenn Bennett, essa autora de Young Adult que roubou meu coração e que foi publicada no Brasil pela maravilhosa Plataforma 21. Seu último lançamento, O Cara dos Meus Sonhos (ou quase), chegou às livrarias brasileiras em janeiro deste ano e, como eu sou uma completa apaixonada pela escrita de Bennett, achei que seria legal traduzir uma entrevista dela que eu achei com o site Rivited, onde ela conta muito sobre a inspiração por trás desse livro.

Para quem nunca ouviu falar de Jenn Bennett na vida, seu mais novo livro, O Cara dos Meus Sonhos (ou quase), foi inspirado em “You’ve Got Mail”, aquele filme maravilhoso do Tom Hanks e da Meg Ryan que passava na televisão tanto quanto A Lagoa Azul, sabe? Pois é. Mais no livro de Bennett, toda a história da troca de correspondência acontece entre dois adolescentes que, sem saber, acabam também se apaixonando um pelo outro no mundo real.

Ficou interessado nesse enredo maravilhoso? Nesta entrevista com a Jenn Bennett, Andi Soule conversa muito com a autora sobre o que a inspirou a escrever o livro e quais são suas grandes influências ao criar um enredo. Ah, e não se esqueça de conferir a resenha de O Cara dos Meus Sonhos (ou quase) que já está disponível aqui no blog, tá? Leia mais

Lançamentos 12abr • 2018

Warcross é o novo Jogador N°1 e eu tô surtando!

Eu, honestamente, não estou acreditando que isso finalmente está acontecendo. Eu sou completamente apaixonada por Jogador N°1 e por anos eu venho torcendo para que outros autores também se arrisquem em enredos similares ao do Ernest Cline porque o mundo precisa de mais livros assim e, ao que me parece, esse dia finalmente chegou, pessoal.

Warcross é o mais novo livro da Marie Lu, que a gente já conhece muito bem por causa da sua trilogia Jovens de Elite. O livro segue a mesma vibe de Jogador Nº1 onde, Hideo Tanaka é um jovem gênio que cria todo o universo do Warcross quando tinha apenas 13 anos. A diferença para o enredo de Clide é que, em Warcross, existe um campeonato oficial que aparentemente atraí muitos telespectadores. Ficaram curiosos? Eu fiquei, na verdade, eu quero ler esse livro para ontem! Leia mais

Resenhas 11abr • 2018

Sem Fôlego, por Abbi Glines

Sem Fôlego foi um livro que me deixou bastante dividida, e eu não sei bem explicar para vocês como. Essa foi a minha segunda experiência lendo Abbi Glines, e eu queria muito dar uma segunda chance para a autora porque eu não gostei do primeiro livro dela que eu li. Sem Fôlego tem todo o clima de romance adolescente com astro do rock que eu estava acostumada a ler na minha adolescência, o que é muito bom porque eu realmente tenho uma queda por esses enredos, sabe? O que eu não estou sabendo lidar mesmo é com o Jax Stones. Parte de mim amou demais o personagem, mas a outra parte queria muito jogar um tijolo na cara dele.

O enredo de Sem Fôlego não é muito complexo e, talvez até um pouco dramático demais para o que deveria ser apenas um romance adolescente. Mas para a minha surpresa, Abbi Glines conseguiu criar uma atmosfera envolvente para os seus personagens e eu realmente consegui me identificar com a Sadie desde o primeiro capítulo. A única coisa que continua me incomodando é a falta de profundidade que a autora deixa passar. É como se o enredo não pudesse ir além do romance entre os personagens principais e tudo o que isso envolve – o que é realmente uma pena porque tanto Sadie, quanto Jax possuem histórias interessantes que poderiam muito bem ter sido incluídas no enredo. Leia mais

Clube Nacional 10abr • 2018

Ladrão de Almas: as infinitas possibilidades da realidade

Um escritor sente que seu fim está próximo e decide revelar seus segredos mais sórdidos. Sua única condição é que o livro seja publicado após a sua morte. Assim começa a narrativa de um fiscal aposentado do governo, que através de suas escolhas transforma a sua vida, e a de outras pessoas.

O enredo, aparentemente ordinário, guarda grandes surpresas. Ladrão de Almas, é muito mais do que uma simples história. O presente e o passado caminham lado a lado, harmoniosamente, de uma forma hábil e, algumas vezes, divertida, criando uma expectativa envolvente, conduzindo a trama a um desfecho imprevisível.

O livro que conta com um estilo informal de narração em primeira pessoa, desperta não só reflexões como também a curiosidade. O thriller distribui vários elementos que só serão explicados de forma correspondente mais adiante. Leia mais

Resenhas 09abr • 2018

O Cara dos Meus Sonhos (ou quase), por Jenn Bennet

resenha-cara-meus-sonhos-jenn-bennet

Eu conheci a Jenn Bennett muito por acaso, quando eu estava na saraiva uma vez e me deparei com outro livro dela, Night Owls. Desde então eu me tornei uma apaixonada por sua escrita e pela forma como ela criava os seus personagens e, quando a Plataforma 21 começou a divulgar o lançamento de O Cara dos Meus Sonhos (ou quase), eu fiquei bastante animada para compartilhar com mais pessoa a escrita maravilhosa dessa autora.  Em O Cara dos Meus Sonhos (ou quase), Bennett traz um romance adolescente que começa na internet e, acreditem quando eu digo que o relacionamento de Zibelina e Alex não vai te decepcionar.

O enredo de O Cara dos Meus Sonhos (ou quase) é narrado em primeira pessoa e nós temos a chance de conhecer muito sobre a história da Bailey. Apesar de vir de uma família com uma situação financeira razoavelmente boa, Bailey não é uma garota popular e nem está em busca de fazer parte de grupos de amigos. Seu passatempo favorito é assistir filmes e, foi assim que ela começou a conversar com um garoto da Califórnia chamado Alex. Claro que ela não sabe tudo sobre ele porque, bom… a internet às vezes pode não ser um lugar seguro, mas isso não a impede de se mudar para a casa do pai que, por coincidência fica exatamente na mesma cidade em que o tal Alex mora. Leia mais

1 2 3 47
O Usuário laoliphantblog não existe ou é uma conta privada.