Lista 21abr • 2019

4 livros sobre protagonistas que se odeiam mas no final se apaixonam

Não é segredo para ninguém que acompanha esse blog que romance é um dos meus gêneros favoritos da literatura. E eu sei, muitos leitores julgam o romance por ser um gênero clichê e até mesmo subestimam a sua capacidade de entregar uma história envolvente e totalmente relevante para o público leitor atual, mas a verdade é que o romance ainda é – e provavelmente sempre será – um dos gêneros mais rentáveis do mercado.

Sério, eu não consigo resistir a uma boa história de amor. Personagens se apaixonando pela primeira vez, personagens se reencontrando e redescobrindo o amor e personagens que se odeiam, mas no final acabam descobrindo que todo esse ódio pode ser transformado naquele sentimento avassalador. Esse último, definitivamente, é o meu favorito.

Eu acho muito engraçado como esse clichê me atrai, sabe? A protagonista que só consegue ver defeitos no cara mais popular da escola, ou aquele cara que não consegue se dar bem com a irmã do melhor amigo, ou – e esse é meu favorito – eles são inimigos mortais jurados, mas no final tudo não passa de uma grande negação de um sentimento bem mais profundo que a gente só vai descobrir na metade ou no final do livro.

Pensando nisso, e porque tem tempo que eu não faço uma lista de leitura para vocês, aqui estão alguns livros onde os protagonistas se odeiam, mas no final a gente sabe é que eles se amam demais!

Geekerela, por Ashley Poston

Quando Elle Wittimer, nerd de carteirinha, descobre que sua série favorita vai ganhar uma refilmagem hollywoodiana, ela fica dividida. Antes de seu pai morrer, ele transmitiu à filha sua paixão pelo clássico de ficção científica, e agora ela não quer que suas lembranças sejam arruinadas por astros pop e fãs que nunca tinham ouvido falar da série. Mas a produção do filme anunciou um concurso de cosplay numa famosa convenção valendo um convite para um baile com o ator principal, e Elle não consegue resistir. Na Abóbora Mágica, o food truck vegano onde trabalha, ela encontra a ajuda de uma amiga cheia de talentos para moda que vai criar o traje perfeito para a ocasião. Afinal, o concurso é a chance de Elle se livrar das tarefas domésticas impostas pela terrível madrasta e das irmãs postiças malvadas.

Já Darien Freeman, o astro adolescente escalado para ser o protagonista do filme, não está nada ansioso para o evento, embora o papel seja seu grande sonho. Visto como só mais um rostinho bonito, o próprio Darien também está começando a achar que se tornou uma farsa. Até que, no baile, ele conhece uma menina que vai provar o contrário.

Esta releitura de Cinderela transporta para o universo nerd os principais elementos do clássico conto de fadas, fazendo uma verdadeira homenagem a todos aqueles que sabem o que é ser fã e se dedicar de coração àquilo que amam.

Mr. Romance, por Leisa Rayven

Max Riley pode fazer com que as fantasias mais incríveis ganhem vida: sob o alter-ego de Mr. Romance, ele pode ser um bilionário dominador, um bad boy inocente, um geek sexy ou qualquer outro homem que satisfaça os desejos das mulheres solitárias da alta sociedade de Nova York. No entanto, nada disso envolve sexo: são apenas encontros inesquecíveis. Intrigada com a lenda urbana de Mr. Romance, a jornalista Eden Tate está determinada a publicar uma matéria revelando sua identidade e suas artimanhas.

Desesperado para proteger seu anonimato, Max desafia Eden a ter com ele três encontros: se ela não se apaixonar por ele, poderá publicar a matéria. Caso contrário, deverá esquecer a história. Eden não tem dúvidas de que conseguirá resistir a todos os falsos personagens de Mr. Romance, mas será que é seguro entrar no jogo do maior mentiroso de todos?

Boston Boys por Giulia Paim

O sonho de toda adolescente se realizou para Ronnie Adams: o maior astro pop da TV foi morar na casa dela. Ela deveria estar vibrando, como qualquer garota normal, mas na verdade está odiando a ideia. Ela não vê a menor graça em Boston Boys, programa sobre a vida de três integrantes de uma boyband, e acha os garotos uns babacas.

De fato, Mason McDougal se acha o máximo e está acostumado a ser recebido sempre por meninas histéricas, por isso não faz o menor esforço para ser simpático. Tendo que lidar com o egocentrismo do garoto, além da perseguição de fãs ciumentas, a vida de Ronnie vira de cabeça para baixo.

Agora ela terá que se acostumar com a stalker no 1 dos garotos plantada em seu gramado, frequentar festas glamorosas e lidar com paparazzis, resolver uma guerra de fofocas on-line e até fazer uma viagem internacional. Em meio a tantas novas aventuras, Ronnie se envolve cada vez mais com os Boston Boys e percebe aos poucos que, no mundo da fama, nem tudo é o que parece ser…

Uma Dama Fora dos Padrões, por Julia Quinn


Às vezes você encontra o amor nos lugares mais inesperados…
Esta não é uma dessas vezes.
Todos esperam que Billie Bridgerton se case com um dos irmãos Rokesbys. As duas famílias são vizinhas há séculos e, quando criança, a levada Billie adorava brincar com Edward e Andrew. Qualquer um deles seria um marido perfeito… algum dia.
Às vezes você se apaixona exatamente pela pessoa que acha que deveria…
Ou não.
Há apenas um irmão Rokesby que Billie simplesmente não suporta: George. Ele até pode ser o mais velho e herdeiro do condado, mas é arrogante e irritante. Billie tem certeza de que ele também não gosta nem um pouco dela, o que é perfeitamente conveniente.
Mas às vezes o destino tem um senso de humor perverso…
Porque quando Billie e George são obrigados a ficar juntos num lugar inusitado, um novo tipo de faísca começa a surgir. E no momento em que esses adversários da vida inteira finalmente se beijam, descobrem que a pessoa que detestam talvez seja a mesma sem a qual não conseguem viver.

Gostaram da lista? Antes de a gente encerrar, eu queria fazer uma menção de honra a Carry On, da Rainbow Rowell que é o livro mais citado pelos leitores do blog quando se trata de protagonistas que não se gostam e no final acabam se apaixonando. Não esqueçam de deixar nos comentários os livros com esse tema que vocês mais gostam e que também mereciam fazer parte desta lista, ok?

Débora Costa ver todos os artigos
Escritora melancólica nas horas vagas, publicitária hiperativa no dia a dia. Viciada em Oasis, uma eterna apaixonada por Beatles. Leitora compulsiva de livros de steampunk. Futura autora de um livro sobre viagem no tempo.

Posts relacionados

Comente com o Facebook

Comente pelo WordPress

11 Comentários

  • Patrini Viero
    30 abr 2019

    Eu não li nenhum dos livros da lista ainda, e confesso que romance não é minha leitura mais frequente, mas eu admito que esse clichê de casais que se odeiam porque na verdade não conseguem confessar o amor que sentem é difícil de resistir. É uma fórmula quase infalível dentro desse gênero literário e não tem quem não se derreta por uma cena fofa bem escrita. Os livros que mais me chamaram atenção foram Geekrela, por todo o universo nerd que ele traz como pano de fundo e do qual eu gosto bastante, e Uma dama fora dos padrões, já que romances de época são meus queridinhos dentro dessa categoria literária.

  • Luana Martins
    30 abr 2019

    Olá, Débora
    Também sou muito fã de um belo romance pode ser ele: clichê, água com açúcar, de época ou contemporâneo.
    Não li nenhum dos livros citados e ressalto que tenho vontade de ler todos. Ainda não tinha visto nada sobre Boston Boys.
    Beijos

  • Aline Bechi
    27 abr 2019

    Olá, tudo bom?

    Romance não é meu gênero favorito, talvez seja o segundo porém eu acho que ele é o mais consumido entre leitores, pelo que acompanho em youtube, blog e instagram. Eu gosto muito desse clichê que se odeiam, que brigam haha
    Geekerela e Uma dama fora dos padrões estão na minha lista. Confio no seu julgamento, espero gostar.

    Beijos

  • sarah castro
    26 abr 2019

    Eu não sou muito fã desse gênero para ser sincera, mas se eu pudesse escolher um para da uma chance seria “Geekerela”, pois tem vários elementos que eu gosto, que envolve nerdces da vida, ter raiva por hype hahahaha etc e uma releitura no mundo jovem de hoje, o que parece ser muito bom.

  • Elidiane Lima
    26 abr 2019

    Oi, Débora!
    Assim como você também não consigo resistir a uma boa história de amor!
    Minha favorita é quando os personagens se reencontrando e redescobrindo o amor, mas também gosto da que os personagens se odeiam mas no final acabam acabam se apaixonando.
    Dos livros que você citou li apenas Mr. Romance – confesso que esperava mais da história de Max e Eden – mas quero ler Uma Dama Fora dos Padrões.
    Bjos!

  • Elizete Silva
    24 abr 2019

    Olá! Também adoro romances, dessa lista por enquanto li apenas Uma dama fora dos padrões, mas já estou com meu exemplar de Mr Romance aqui para conferir, não consigo lembrar de muitos livros para indicar (sou péssima nisso!), o único que me veio à mente foi Dominic o primeiro livro da série dos Irmãos Slater, da autora LA Casey, Dominc e Bronagh realmente se odeiam, a aprontam muitas confusões durante todo o livro.

  • Fabiana
    22 abr 2019

    Ai meu Deus, dos citados não li nenhum, mas foi por falta de oportunidade mesmo, pois quem não gosta de um clichê?? Eu mesma me empolgo tanto com essas reviravolta que qdo o casal, finalmente se beija, dou pulos e gritinhos de felicidade e quando é muito lindo, sai uma lágrima (juro!). Mr. Romance é um dos que me chamou atenção, não só pela sinopse mas pelos vários comentários positivos que já li sobre ele. Dos demais, valeu a dica.

    • Fabiana Scola
      22 abr 2019

      Só corrigindo, pq o nome saiu incompleto.

  • Tereza Cristina Machado
    22 abr 2019

    Também amo um romance, acho tão vida real hahahaha… eu tenho uma dama fora dos padrões que ainda lerei esse ano rs! Amo quando eu tenho algum livro da lista rs!
    Geekerela já me ganhou sou pelo fato de ser uma releitura de Cinderela que é um amor da minha vida.

  • Angela Cunha
    22 abr 2019

    Ahhh! Eu também sou fã assumida de um bom romance e oh, se ele for clichê, melhor ainda! rs Adoro esses joguinhos de gato e rata. Mesmo que a maioria dos diálogos sejam repetitivos e ter isso do “não te gosto,mas não te largo”.
    Por isso, amei as dicas acima e mesmo que não tenha lido nenhum dos citados acima, adorei a lembrança de Rainbow(esse sim eu li).
    Só citaria aí nessa lista, o casal(que esqueci o nome) de Belo Desastre! rs
    Beijo

  • Ludyanne Carvalho
    21 abr 2019

    Ah, amei essa lista!
    Li apenas Mr. Romance e é um livro incrível, um dos melhores da Leisa.
    Pretendo ler Geekerela.

    Beijos

  • Siga o @laoliphantblogInstagram