minhas leituras
Categoria(s): minhas leituras

Jackaby, de William Ritter

Jackaby é um livro de mistério, escrito pelo autor estreante William Ritter e publicado pela Editora Única no Brasil em 2015. O livro conta a história de Abigail Rook, uma jovem inglesa que larga sua terra natal e parte numa viagem pelo mundo em busca de aventura.

Sua viagem eventualmente a leva a cidade de New Fiddleham, na região da Nova Inglaterra, nos Estados Unidos. Chegando lá, Abigail começa a procurar emprego, e acaba cruzando o caminho do detetive particular R. F. Jackaby, um homem peculiar que afirma ter o dom de ver seres e criaturas sobrenaturais.

Jackaby então, contrata Abigail como sua assistente, e os dois começam a investigar o caso do misterioso assassino de New Fiddleham.

– Acho que você deve estar um pouco confusa – disse ele. – Mas não se sinta mal, é um estado comum. A maioria das pessoas está se sentindo assim. – Ele dobrou o anúncio e enfiou no paletó, e virou outra esquina. – Meu nome é Jackaby. Eu sou, como você disse, um detetive. No entanto, não estou com o serviço investigativo… Eu sou o serviço investigativo. Ou devo dizer, eu o forneço.

O livro é narrado em primeira pessoa, do ponto de vista de Abigail, então o leitor experiencia todos os acontecimentos do livro junto com ela. Isso é bastante efetivo nos momentos mais sombrios e misteriosos do livro, porque já que nós só vemos o que Abigail está vendo, sentimos a mesma tensão que ela está sentindo na cena.

Essa também funciona bem para nos mostrar que tipo de pessoa Abigail é. O fato de termos acesso a todos os seus pensamentos e idéias nos leva a conhece-la melhor e a nos aproximarmos dela como personagem. Isso torna a jornada dela ao longo da história ainda mais envolvente do que ela já é.

Abigail é uma protagonista muito interessante. Inteligente, corajosa, independente, ela é tudo que eu gosto de ver em uma personagem principal. A descrição na capa do livro descreve Jackaby como sendo “para os fãs de Sherlock e Doctor Who” e Abigail seria uma ótima companhia para o Doctor.

Jackaby

O enredo do livro lembra demais um episódio de Doctor Who. A capa realmente não estava mentindo, se você é fã de Doctor Who (e eu sou), esse livro é pra você. O tempo todo que estava lendo, eu tive a mesma sensação que eu tenho assistindo  a um episódio de DW.

O aspecto de mistério do livro é bem legal. Ele começa parecendo uma simples trama de assassinato, mas a medida que a história vai rolando, ele fica cada vez mais sinistro. As cenas mais assustadoras foram muito bem escritas e passaram muito bem a tenção que os personagens estão sentindo.

Hesitei um instante, antes de me defender. – Nem tão descarada – eu disse baixinho – Creio que a maioria dos homens já é mais que feliz em acreditar que uma jovem mulher é uma coisinha frágio. Portanto, tecnicamente, a enganação já estava ali, eu só a empreguei de modo conveniente.

Jackaby

Como eu já havia dito, Abigail é a protagonista do livro. Mas o detetive Jackaby é bastante importante na história (obvio, né, olha o titulo do livro). Jackaby é excêntrico, disperso e talvez um pouco maluco, mas tem um lado mais sério e emocional. Ele me lembrou demais o Doctor, quando ele ainda era interpretado pelo Matt Smith, que por acaso é o meu Doctor favorito.

Existem outro personagens que se envolvem com a investigação do assassino de New Fiddleham, mas eu não posso falar muito sobre eles sem dar spoiler. Basta dizer que são todos muito divertidos e acrescentam bastantes à investigação e ao livro em geral.

Jackaby é exatamente o que diz na capa. Um livro de mistério envolvente e inusitado, que também tem seus momentos divertidos e emocionantes. Correndo o risco de me repetir demais, se você gosta de Doctor Who e Sherlock, esse livro foi escrito pra você.

Deixe seu comentário

  1. Uau. Você deveria ter deixado alguns spoilers (era só deixar as palavras em branco e quem quisesse ver era só seleciona-las) porque o livro parece super instigante. Eu não sou fã de DW, mas se este livro não for feito pra mim eu faço ser huahua. Sério, tenho certeza que minha sensação ao acabar de ler, o que eu certamente farei, vai ser simplesmente “uau”.

  2. Oi ♥
    Eu amei a resenha, mas infelizmente não me tocou a ponto de eu me interessar :/
    Não curto muito livros na primeira pessoa … Mas quem sabe numa outra oportunidade, né?!
    HAHAHAHA

    Beijos!
    Paulinha 🙂

  3. A premissa é instigante. Mas não é o tipo de livro que passo na frente de qualquer outro. Até curto essa pegada, mas adiaria bastante para ler.

  4. Fãs de Doctor Who já é meu amigo! Camarada sou apaixonada pelo Doctor do Matt, meu preferido também.
    Estou curiosa em relação a e esse livro a tempos acredita, mas nunca li nenhuma resenha, muito menos a sinopse, foi aquela paixão de capa. Agora vi que vale a pena, vou comprar ainda hoje.
    Xoxo

  5. Mandy comentou:

    Oie!
    Conheci essa editora esse ano, através do “a teoria de tudo”, achei tão bacana a diagramação, estava mesmo com vontade de ter outro livro deles! Eu também gosto de personagens fortes, odeio quando pego um livro e a personagem é uma pamonha sonsa hahahaha E oopaaa, se fãs de Sherlock e Doctor Who poderão gostar, já sei que presente meu namorado vai ganhar de Natal hehe
    Ótima resenha, beijos!

  6. Pra quem me conhece sabe que sou apaixonada por esse gênero, o que torna minha vida muito dificil pois tem pouco dinheiro pra muitos livros, adorei a resenha e fez eu querer ler esse livro também espero ansiosamente para tem minha propria experiencia para com o livro.

  7. gosto muito de livros de misterio, eu ainda não conhecia esse mas fiquei com uma pulga atrás da orelha se eu iria gostar!

  8. Oi, tudo bem?

    Eu li o livro e gostei bastante. E também concordo com a capa! Lembra muito DW e Sherlock. Muito MESMO!! O Jackaby tem todo aquele excentrismo do Sherlock. E a trama lembra DW. Achei bem interessante. Mas não é um livro excelente… Achei que teve muito estardalhaço em cima dessa obra. A capa enche os olhos, não?!

  9. OI vinicius!
    Não gosto de Doctor Who, mas quero MUITO ler esse livro desde o lançamento. Sua resenha só me deixou ainda mais animada pela leitura apresentando todo esse misterio que o livro tem. Já quero, já desejo… preciso!!
    Beijos