24 ago, 2018

5 livros para você ler depois de assistir Para Todos os Garotos que Já Amei

Eu não estou sabendo lidar com essa adaptação do Netflix, sério! Eu assisti 4 vezes no dia em que o filme foi lançado e agora, sempre que eu abro a Netflix, é a única coisa que eu quero continuar assistindo. Particularmente, eu achei muito melhor do que o livro – e eu não sou muito o tipo de pessoa que diz essa frase com frequência, né? Tá sendo meio que impossível não amar a Lara Jean e o Peter depois dessa interpretação maravilhosa da Lana Condor e do Noah Centineo.

Morta, apenas, morta.

Mas vamos ao que eu estou fazendo aqui, não é mesmo? Agora que Para Todos os Garotos que Já Amei chegou na Netflix e todo mundo que não leu o livro já foi correndo comprar os três livros da série, nós, leitores que lemos o livro quando foi lançado no Brasil, ficamos com aquele vazio de quem leu, se apaixonou, sofreu e sentiu o vazio de uma leitura que acabou. E foi pensando nisso que eu resolvi montar uma lista maravilhosa de livros que vocês podem ler para suprir a falta que Para Todos os Garotos que Já Amei deixou em nossos corações.

Confira a lista completa abaixo:

O Verão Que Mudou Minha Vida, por Jenny Han

A vida de Belly é medida em férias de verão. Para ela, todas as coisas boas só acontecem entre os meses de junho e agosto, quando está na casa de praia junto a Susannah, única e melhor amiga de sua mãe e uma espécie de tia, e seus dois filhos, Jeremiah e Conrad. Mais do que irmãos postiços e companheiros de férias, os filhos de Susannah tornaram-se o centro das suas emoções. A véspera do aniversário de 16 anos de Belly marca também o fim daquele que parece ser o último verão onde estarão todos reunidos em Cousins Beach. A partir do ano seguinte todos estarão ocupados demais e talvez algum deles já nem esteja mais entre nós.  [comprar]

 

 

 

 

Simon vs. a agenda Homo Sapiens, por Becky Albertalli

Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da escola, descobre uma troca de e-mails entre Simon e um garoto misterioso que se identifica como Blue e que a cada dia faz o coração de Simon bater mais forte.

Martin começa a chantageá-lo, e, se Simon não ceder, seu segredo cairá na boca de todos. Pior: sua relação com Blue poderá chegar ao fim, antes mesmo de começar.

Agora, o adolescente avesso a mudanças precisará encontrar uma forma de sair de sua zona de conforto e dar uma chance à felicidade ao lado do menino mais confuso e encantador que ele já conheceu.

Uma história que trata com naturalidade e bom humor de questões delicadas, explorando a difícil tarefa que é amadurecer e as mudanças e os dilemas pelos quais todos nós, adolescentes ou não, precisamos enfrentar para nos encontrarmos. [comprar]

 

Dumplin’, por Julie Murphy

Especialmente para os fãs de John Green e Rainbow Rowell, apresentamos uma destemida heroína e sua inesquecível história sobre empoderamento feminino, bullying, relação mãe e filha, e a busca da autoaceitação. Sob um céu estrelado e ao som de Dolly Parton, questões como o primeiro beijo, a melhor amiga, a perda de alguém que amamos demais e “estou acima do peso e ninguém tem nada com isso” fazem de Dumplin’ um sucesso que mexerá com o seu coração. Para sempre.

Gorda assumida, Willowdean Dickson (apelidada de Dumplin’ pela mãe, uma ex-miss) convive bem com o próprio corpo. Na companhia da melhor amiga, Ellen, uma beldade tipicamente americana, as coisas sempre deram certo… até Will arrumar um emprego numa lanchonete de fast-food.

Lá, ela conhece Bo, o Garoto da Escola Particular… e ele é tudo de bom. Will não fica surpresa quando se sente atraída por Bo. Mas leva um tremendo susto quando descobre que a atração é recíproca. Ao contrário do que se imaginava – a relação com Bo aumentaria ainda mais a sua autoestima –, Will começa a duvidar de si mesma e temer a reação dos colegas da escola.

É então que decide recuperar a autoconfiança fazendo a coisa mais surreal que consegue imaginar: inscreve-se no Concurso Miss Jovem Flor do Texas – junto com três amigas totalmente fora do padrão –, para mostrar ao mundo que merece pisar naquele palco tanto quanto qualquer magricela. [comprar]

 

Everything Leads to You, por Nina LaCour

Emi é uma estilista jovem e prodígio e, já começou a encontrar seu caminho no competitivo mundo dos filmes de Hollywood.

Emi é cinéfila e uma verdadeira romântica, mas seus relacionamentos na vida real são uma bagunça. Ela voltou desesperadamente para a mesma garota mais vezes do que vale a pena mencionar.

Mas então uma misteriosa carta de uma lenda do cinema leva Emi a Ava. Ava é diferente de qualquer garota que Emi já conheceu. Ela tem um passado tumultuado, não tão glamoroso, e vive uma vida não convencional. Ela é enigmática … Ela é linda. E ela está prestes a expandir o entendimento de Emi sobre família, aceitação e romance de verdade. [comprar]

 

 

 

Fangirl, por Rainbow Rowell

Cath é fã da série de livros Simon Snow. Ok. Todo mundo é fã de Simon Snow, mas para Cath, ser fã é sua vida e ela é realmente boa nisso. Vive lendo e relendo a série, está sempre antenada aos fóruns, escreve uma fanfic de sucesso e até se veste igual aos personagens na estreia de cada filme.

Diferente de sua irmã gêmea, Wren, que ao crescer deixou o fandom de lado, Cath simplesmente não consegue se desapegar. Ela não quer isso. Em sua fanfiction, um verdadeiro refúgio, Cath sempre sabe exatamente o que dizer, e pode escrever um romance muito mais intenso do que qualquer coisa que já experimentou na vida real.

Mas agora que as duas estão indo para a faculdade e Wren diz que não a quer como companheira de quarto, Cath se vê sozinha e completamente fora de sua zona de conforto.

Uma nova realidade pode parecer assustadora para uma garota demasiadamente tímida. Mas ela terá de decidir se finalmente está preparada para abrir seu coração para novas pessoas e novas experiências. Será que Cath está pronta para começar a viver sua própria vida? Escrever suas próprias histórias? [comprar]

Gostaram da lista? Eu coloquei livros que me deram a mesma sensação que eu tive quando assisti ao filme da Netflix e, provavelmente vocês já leram pelo menos um desses livros, mas caso não tenham, me conta aqui nos comentários quais dessas sinopses chamaram mais a sua atenção tá?

Tags: , , ,

veja os posts relacionados

Deixe seu comentário

8 Comentários

  • Lily Viana
    agosto 31, 2018

    Olá!
    Eu assisti ao filme e amei muito, foi bem meu estilo, tipo clichê…Adorei as dicas com certeza irei buscar para ler.

    Meu blog:
    Tempos Literários

  • […] se sentiam mais confortáveis quando eu dizia que o livro era sobre aventura, mistério, terror, mas quando a palavra romance aparecia, era como se a vontade de ler o livro se esvaísse na […]

  • Iêda Cavalcante
    agosto 30, 2018

    Oiee!
    Ainda não li o filme, preciso arrumar um tempo pra fazê-lo.
    Sobre essas dicas, não li nenhum, porém tenho vontade de ler Simon, a premissa me interessou muito, já que nunca li nada do tipo.
    Bjs!

  • Elizete Silva
    agosto 30, 2018

    Olá! Acredita que eu ainda não li essa trilogia! Por isso também não assisti ao filme, mas é bom saber que ele conseguiu superar o livro. Das dicas que você deu, eu li apenas Fangirl, e gostei bastante da sinopse de O Verão Que Mudou Minha Vida e Dumplin.

  • Elidiane Lima
    agosto 29, 2018

    Oi, Débora!
    Confesso que não tenho interesse em ler Para Todos os Garotos que Já Amei, mas pretendo assistir ao filme assim que possível, e quem sabe depois de ver eu acabe me empolgando para ler o livro também?!…
    Não li nenhum dos cinco livros da sua lista mas Simon vs. a agenda Homo Sapiens está na minha lista de leitura e não vejo a hora de o ler!
    Bjos!

  • […] novidades do mercado editorial, como os livros de fantasia de autoras como Victoria Aveyard e os tão amados Young Adults que tem conquistado cada vez mais espaço. A prova disso está no sucesso que é a adaptação de Para Todos os Garotos que Já Amei. O […]

  • Daiane Araújo
    agosto 24, 2018

    Oi, Débora,

    Ainda não li “Para Todos os Garotos Que Já Amei” (só folheei algumas páginas), mas desde já, anotei as dicas!

  • Kleyse Oliveira
    agosto 24, 2018

    Bom dia Débora!
    Como eu não tenho a trilogia Para Todos os garotos, então preferi não assisti o filme, pois quero comparar o livro com o filme.
    Sobre os livros que você indicou estão todos na minha wishlist para futuras aquisições haushaaudhahs. Quero todos para mim ler . Bjs ótimo dia.