Resenhas 14set • 2016

As Letras dos Beatlespor Hunter Davies

O livro no Skoob e no Goodreads.

Editora: Planeta
Ano de Publicação: 2016
Número de Páginas: 384
Código ISBN: 9788542206104

Obs: Este livro foi cedido em parceria com a Editora para resenha.

Comprar: SubmarinoLivraria SaraivaAmazon

Sinopse: A primeira coletânea de manuscritos de letras dos Beatles já publicada! Pela primeira vez, as versões originais das letras de músicas essenciais dos Beatles são agrupadas em livro após exaustiva pesquisa. Além disso, As letras dos Beatles traz várias delas que nunca haviam sido publicadas. Esses documentos hoje pertencem a colecionadores e a amigos dos Beatles, muitos deles sob a custódia de museus e universidades mundo afora. Hunter Davies conviveu com os Beatles no apogeu da banda e escreveu sua primeira e única biografia autorizada. Desde então, pesquisou e encontrou mais de cem letras de suas músicas, escritas à mão, que são reproduzidas aqui. Os Beatles compunham a qualquer hora, em qualquer lugar- as músicas podiam começar no verso de um envelope, num guardanapo ou num papel de carta de hotel. Esses escritos, entre eles vários rascunhos e versões revisadas, propiciam uma visão única e íntima do marcante processo criativo dos maiores compositores de música popular de todos os tempos- o que eles pensavam, como mudavam de ideia e de que maneira realizavam letras de músicas hoje conhecidas em todo o mundo. Cada música é considerada aqui em seu contexto- o que os Beatles estavam fazendo naquele momento, como compuseram e gravaram a faixa, como a primeira versão difere da finalmente gravada. Quase todas as canções dos Beatles têm uma grande história por trás delas, de Yesterday e Eleanor Rigby a Yellow Submarine . Embarque nesta viagem aos bastidores destas obras-primas do pop.

The Beatles sempre foi uma das minhas bandas favoritas desde a infância. Ainda me lembro, nos meus sete anos, do meu pai me colocando no colo e fazendo dormir ao som de Hey Jude, quando eu estava com saudade da minha mãe porque ela viajava à trabalho. Era uma das melhores sensações do mundo, e talvez a minha melhor lembrança relacionada a banda britânica que balança o coração de muita gente até hoje. Por isso, quando a Editora Planeta lançou As Letras dos Beatles, eu sabia que precisava trazer a banda aqui para o blog.

O livro de Hunter Davies é um copilado de informações sobre o processo criativo da banda e como cada uma das músicas que gostamos foram criadas, gravadas e se tornaram um grande sucesso mundial. Apesar de ter achado a escrita do autor um tanto cansativa e muito formal, o livro me trouxe informações sobre a banda que eu, como fã, ainda não sabia. Achei muito interessante ter um momento para conhecer melhor a história e entender o verdadeiro impacto que a banda teve no mundo.

Letras dos Beatles

Hunter começa nos lembrando do fenômeno que envolve a banda. Quanto mais nos afastamos no tempo, maior é o sucesso e a sua influência no mundo. Quando alguma “velharia” da banda é relançada, tem um impacto muito maior no mercado musical, do que quando ela foi lançada, anos antes. A Apple, uma organização criada pelos Beatles por volta de 68, segundo Davies, nunca teve mais do que 50 funcionários. Hoje, a fundação conta com pelo menos 5 mil escritores, músicos etc tirando seu sustento dos Beatles.

As informações que o autor escolheu para o livro são realmente interessantes de saber. Mesmo com a escrita um pouco cansativa, o livro é gostoso de se folhear, e ao mesmo tempo, em cada música, encontramos um mistério por trás daquela letra que ainda não sabíamos. A minha favorita foi a Penny Lenny, que eu descobri que quase não foi grava por eles, e se tornou uma das melhores músicas já lançadas. São curiosidades que, para aqueles que gostam da banda, acaba sendo simplesmente maravilhoso.

Letras dos Beatles

Até hoje eu fico me perguntando porque não temos o “nosso Beatles”. Eu realmente queria viver numa época onde uma banda pudesse ter essa influência tão grande em como as pessoas pensam.  O interessante em ler As Letras dos Beatles é perceber como a banda funcionava na época, como as músicas eram escolhidas, como as carreiras eram administradas e principalmente, a transição entre uma fase e outra. É realmente um “por trás das canções”, como o livro promete na capa.

Acredito que, se você não é um leitor que se incomode um pouco com uma leitura densa, e tenha o interesse em conhecer mais sobre a história da banda, As Letras dos Beatles é realmente um livro que você precisa ter na estante. E, considerando que normalmente eu não me aventuro em leituras de não-ficção, acho que vale muito a pena conhecer mais sobre essa banda e a forma como ela influenciou uma geração inteira.

Débora Costa ver todos os artigos
Escritora melancólica nas horas vagas, publicitária hiperativa no dia a dia. Viciada em Oasis, uma eterna apaixonada por Beatles. Leitora compulsiva de livros de steampunk. Futura autora de um livro sobre viagem no tempo.

Posts relacionados

Comente com o Facebook

Comente pelo WordPress

1 Comentário

  • […] em várias músicas dos Beatles, o filme Yellow Submarine, lançado em 1968, conta a história de Pepperland, um paraíso subaquático onde o vento espalha as adoráveis canções da banda do Sgt. Peppers aos […]

  • Siga o @laoliphantblogInstagram