23dez • 2015

por

O livro no Skoob e no Goodreads.

Número de Páginas:

Comprar:

Se você é um leitor que, assim como eu, é apaixonado por um New Adult cheio de personagens intensos com personalidades que encantam e com um enredo de tirar o fôlego, então – definitivamente – você precisa ler os livros da Amy Harmon publicados pela Verus Editora. A primeira vez que conheci o trabalho dessa autora foi com o seu livro Beleza Perdida – uma das melhores leituras de New Adult que fiz esse ano – e agora, com seu mais recente lançamento, Infinito + Um, Amy Harmon ganhou de vez meu coração como rainha dos New Adults.

Todo mundo conhece a história de Bonnie e Clyde, o famoso casal de bandidos dos anos 30 que aterrorizou a população dos Estados Unidos, ou pelo menos já ouviu falar deles. Em Infinito + Um, vamos conhecer a história de um jovem casal, de mesmo nome, mas com motivos para fugir muito diferentes. Bonnie Rae é uma jovem cantora country que conquistou seu lugar ao sol no mundo da música. O único problema é que Bonnie está cansada da pressão de viver sob os holofotes e é tentando dar um tempo da vida de famosa que seu caminho – inesperadamente – se cruza com o de Finn Clyde, um ex-presidiário que estava a caminho de Las Vegas para recomeçar a sua vida.

Amy Harmon

Mesmo relutante, Finn acaba concordando em dar uma carona para Bonnie até Las Vegas. O que ele não esperava é que além de ser uma garota muito maluca, Bonnie era famosa e estava com o país inteiro se perguntando onde ela estava e o que realmente estava acontecendo. Além dos conflitos de personalidade e muitas dúvidas sobre o que era realmente certo ou errado, o jovem casal logo se vê fugindo sem rumo apenas para se manterem juntos. O que eles não imaginavam é que essa pequena viagem, cheia de aventuras, imprevistos e sentimentos poderia revelar mais sobre eles, do que eles mesmo conheciam.

Mais uma vez Amy Harmon conseguiu me surpreender com um enredo tão completo e de tirar o fôlego. Infinito + Um é um New Adult que explora as fraquezas de dois jovens que sofreram perdas muito importantes em suas vidas e que, de alguma forma, buscam na fuga uma forma de se encontrar. A escrita de Amy Harmon mais uma vez não me decepcionou. Explorando três tipos de narrativas diferentes, ela consegue fazer com que o leitor tenha uma visão completa da história e se envolva com seus personagens do início ao fim. Confesso que quando eu senti as mudanças na narrativa, eu tive um pouco de receio, mas a autora tem um domínio incrível do enredo que estava criando, e no final, tudo acabou se encaixando de uma forma tão perfeita que é muito difícil colocar em palavras.

Amy Harmon

Gostei muito da comparação dos personagens com o famoso casal Bonnie e Clyde, mesmo os personagens não sendo nem um pouco parecidos com o casal, existe todo um contexto muito interessante para essa comparação. Além disso, a autora compõe o enredo com detalhes e referencias matemáticas interessantes que fazem com que a leitura se torne muito divertida, leve e interessante para o leitor. Infinito + Um tem aquele algo a mais que eu gosto nos romances, principalmente nos New Adults, os personagens são intensos, interessantes e a busca que eles fazem por si próprios é tão emocionante que faz com que a leitura toda seja simplesmente maravilhosa.

Os personagens desse livro são maravilhosos. No começo eu achei que a Bonnie fosse um pouco imatura, mas conforme eu fui entendo melhor a personagem, eu vi que ela tinha muita pressão sobre si e que isso fazia com que ela tomasse atitudes impulsivas. Como é que não se apaixona por uma personagem assim? E conforme o livro ia se desenvolvendo, eu conseguia ver o desespero dela por encontrar respostas, por se entender e conseguir lidar com tudo o que ela estava sentindo. Não tem como você não se envolver com a personagem e não sentir tudo o que ela tá sentindo.

Amy Harmon

Finn, pelo menos para mim, foi um personagem muito interessante. Ele sempre me pareceu bem resolvido desde o começo do livro, mas eu gostei de ver que, conforme ele se envolvia com a Bonnie, ele ia se deixando levar e sendo um pouco mais ele mesmo do que ele realmente queria ser. Acho que o romance dos dois se encaixou como uma luva, porque eu conseguia ver que eles encontravam um no outro uma forma de aliviar toda a dor que eles carregavam consigo, e dentro do enredo, combinado com tudo o que eles já haviam passado, era lindo demais!

Amy Harmon, mais uma vez, me deu um livro que eu vou indicar para todas as pessoas que eu conheço. Não é pelo romance, ou pelos personagens maravilhosos, mas pela jornada de conhecimento que esse livro te proporciona, pela oportunidade de ver as coisas de uma forma diferente e de se envolver com aquele universo tão emocionante. É maravilhoso ter uma autora que é capaz de escrever um New Adult que vai muito além do romance entre os personagens principais e realmente procura fazer com que o leitor se envolva com aquele enredo.

Tags: , , ,

veja os posts relacionados

Deixe seu comentário

5 Comentários

  • […] apaixonei pela escrita da autora quando a Verus lançou Beleza Perdida no Brasil e, desde então, nenhum dos novos livros da autora me decepcionou e, com Correndo Descalça não foi diferente.  Com protagonistas muito bem desenvolvidos e um […]

  • Catharina
    dezembro 28, 2015

    Oie
    Essa será uma das minhas próximas leituras, eu adorei a capa e espero ler em breve e curtir bastante a leitura, ficou muito legal a resenha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

  • Marijleite
    dezembro 24, 2015

    Olá, essa é a primeira resenha que leio do livro e agora tenho dois livros da autora na minha lista de desejados, gosto bastante de livros desse gênero e a trama e os protagonistas me pareceram bem interessantes.

  • Maiara Vieira
    dezembro 23, 2015

    Oi Débora, tudo bem?
    Não conhecia esse livro, mas fiquei muito interessada agora que li sua resenha!
    Achei interessante essa coisa do casal fazer uma referência leve a Bonnie e Clyde!
    Espero ler em breve! Amei a capa.

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

  • Pedro Silva
    dezembro 23, 2015

    Olá,
    Gostei muito da resenha, mas definitivamente os New Adult não são para mim, apesar de sempre ouvir comentários bem positivos Beleza Perdida, nunca me interessei em lê-lo, ao ler sua resenha desse livro aqui senti muita semelhanças com outras histórias; famosos que querem sair dos holofotes, viagens, conhecem um bad boy/mocinho e se apaixonam. Mas deve ser um livro que agrada aos leitores do gênero, assim como te agradou. ^^