Resenhas 27jan • 2019

Leve-me Com Vocêpor Catherine Ryan Hyde

O livro no Skoob e no Goodreads.

Título Original: Take Me with You
Gênero do Livro: Ficação, Viagem
Editora: DarkSide Books
Ano de Publicação: 2018
Número de Páginas: 336
Código ISBN: 9788594540423

Obs: Este livro foi cedido em parceria com a editora para resenha.

Comprar: Amazon

Sinopse: August Shroeder é um professor de ciências desacreditado e um alcoólatra em recuperação. Todos os anos, seu destino nas férias de verão é o mesmo: a estrada. Em seu trailer, ele percorre quilômetros e mais quilômetros nas rodovias para visitar os belíssimos parques e reservas naturais. Seu plano era visitar o Parque Nacional Yellowstone com seu filho, Phillip, mas agora não há ninguém no banco do passageiro — apenas um punhado de cinzas guardado no porta-luvas, em uma garrafa de chá carregada de significado. Quando o trailer quebra, August busca conserto na oficina mais próxima. Mas, além do motor home pronto para seguir viagem, ele sai de lá com dois garotos a tiracolo — seus novos companheiros nessa road trip — e a chance de repaginar uma viagem que tinha tudo para ser melancólica e permeada por lembranças doloridas. É com a sensibilidade e o encanto que se tornou marca registrada dos livros da linha DarkLove que Catherine Ryan Hyde fala sobre honestidade, luto, perdas, conquistas e transformações, desatando nós nos corações dos leitores e curando feridas que ninguém imaginava ter. Com sua voz poderosa, que já emocionou milhares de leitores pelo mundo, traz à tona uma discussão sobre a imprevisibilidade da vida e como família nem sempre significa dividir o mesmo sangue.

Catherine Ryan Hyde é uma escritora muito conhecida nos Estados Unidos, principalmente pelo seu romance de sucesso Pay It Foward, que recebeu uma adaptação cinematográfica com o nome de A Corrente do Bem. Catherine possui mais de trinta livros publicados, tem uma carreira consolidada e suas obras são incluídas em diversas listas de livros pelo mundo, mas pouco conhecíamos da autora no Brasil.

Como sempre o que me atraiu no lançamento da Darkside foi o impecável projeto gráfico. O livro era lindo e isso já era motivo para querer ele na minha estante. Mas o selo Darklove não é nem de longe constituído por meras capas bonitas. A qualidade dos romances que integram o selo é inquestionável. Foi nesse salto de fé que embarquei nessa leitura linda e emocionante.

“Esses lugares. A natureza. Eu me sinto diferente. Mas não sei como explicar, não consigo encontrar as palavras”

A premissa de Leve-me Com Você é bem simples. August perdeu o filho Phillip há menos de dois anos, eles planejavam uma viagem até Yellowstone, o que nunca aconteceu. August embarca com seu motorhome em direção ao outro lado dos Estados Unidos, mas o carro acaba quebrando no caminho. Enquanto aguarda o concerto do veículo, August conhece Seth e Henry, filhos do mecânico com quem acaba se envolvendo.

Ao final do conserto, Wess, pai dos meninos, pede ajuda à August. Wess ficará preso por noventa dias e precisa de alguém para cuidar dos filhos. Com um pouco de receio, August aceita a missão de levar Seth e Henry na viagem. Com a ajuda das crianças ele aprende mais sobre amor, confiança, perdão e, o mais importante, a superar a morte precoce de Phillip.

O que parece a princípio ser um romance clichê, na verdade é uma história repleta de amor e aceitação. Catherine não exagera no drama, muito menos dá resoluções inverossímeis. A vida não é um conto de fadas e August precisa aceitar isso. A relação que ele constrói com os meninos é delicada, ele não é o pai das crianças, muito menos possui qualquer grau de parentesco. Por mais que ame e deseje proteger Seth e Henry, ele não pode fazer nada.

“Algumas pessoas dizem que se sentem menores com tudo isso. Como se o mundo, que é tão grande, as fizessem se sentir insignificantes.”

Seth tem tanto medo de ser abandonado que acaba desenvolvendo uma personalidade extremamente perfeccionista e autopunitiva. Henry prefere guardar tudo para si e escolhe parar de falar. Não é só August que precisa lidar com as dores da vida, as crianças, apesar de serem muito novas, precisam amadurecer rápido e apreender a lidar com as decepções.

Uma outra questão é desenvolvida no romance é o alcoolismo, retratado de uma maneira bem crua. Ao final, entendemos que ninguém pode salvar ninguém, muito menos devemos colocar o peso da nossa felicidade nos ombros de quem amamos.

O romance acabou se desenvolvendo de uma maneira que eu não esperava. Além dessa grata surpresa, Leve-me Com Você conseguiu me emocionar em vários momentos. Meus olhos se encheram de lágrimas, principalmente devido ao amor que surge entre os protagonistas. Henry foi o personagem que mais me cativou, mesmo não falando muito. Seth é um anjo e eu passei o livro inteiro torcendo para que as coisas terminassem bem para ele.

“Todo mundo anda por aí perdendo as melhores coisas por não querer que nada de ruim aconteça. Mas quando uma coisa ruim tem que acontecer, simplesmente acontece. De qualquer jeito. Por mais que você tome cuidado.”

A autora consegue escrever o livro de maneira que tanto August, como os leitores, se sentem impotentes perante o drama das crianças. Podemos apenas oferecer amor e porto seguro, nada mais. A relação dos meninos com o pai é conturbada, mas nada tão terrível que o faça perder a guarda. Catherine tem uma escrita fluída e gostosa, consegue nos emocionar sem precisar de esforço, principalmente pele boa construção dos personagens.

Leve-me Com Você se tornou um dos meus livros favoritos da Darkside, junto de Só os Animais Salvam. Espero que a editora traga mais livros da autora, eu pelo menos vou ficar na expectativa. Leitura mais do que recomendada, contudo lembre-se de guardar uma caixinha de lenços.

Beatriz Kollenz ver todos os artigos
Queria ser mesmo uma garota mágica, infelizmente não deu nessa vida. Amo borboletas, mangas shoujo, desenhos animados e livros. Quando não estou voando nas nuvens costumo tocar piano, assistir um dorama ou sentar ao ar livre. Apesar de ser leonina sou muito tímida, a vida é assim, repleta de contradições.

Posts relacionados

Comente com o Facebook

Comente pelo WordPress

8 Comentários

  • Lara Caroline
    31 jan 2019

    Beatriz, tudo bem?
    A premissa desse livro me deixou triste só por apresentar um pouquinho do que a história conta. Este parece ser um daqueles livros de fazer a gente chorar até não querer mais. Achei a edição maravilhosa.
    Beijos

  • Aline Bechi
    31 jan 2019

    Olá, tudo bom?
    Devo confessar que apesar de todos os bons comentários eu não tenho um grande interesse em ler a obra.
    É muito legal os temas abordados no livro (os quais vejo em resenhas, e nessa própria) e também me parece ser uma história sobre superar o luto.
    Fico feliz que tenha gostado.

    Beijos

  • Jora
    29 jan 2019

    Os livros da Darkside têm um lugarzinho especial no meu coração. E esse ainda mais porque me toca em muitos sentidos. Como mãe, eu moveria mundos por meu filho e não sei se sobreviveria se o perdesse. Só assim para justificar um amor tão grande por um livro que ainda nem li, mas espero ansiosa por isso.

  • Alison de Jesus
    28 jan 2019

    Olá Beatriz!
    Essa obra, além de contar com a qualidade gráfica incrível da editora Darkside, também entrega aos leitores uma história poderosa e marcante. Gosto de toda essa carga dramática que a autora usa para a construção dos personagens, pois o leitor passa a entender totalmente as dores de cada um e aos poucos vai se apegando, o que torna o adeus árduo ao final da leitura. Espero que mais livros de Hyde venham para o Brasil, pois já vi que a escrita da mesma é maravilhosa.
    Beijos.

  • Nil Macedo
    28 jan 2019

    Parece mesmo muito emocionante.
    As dores que unem as pessoas e onde uma acaba ajudando a outra a se curar. É triste, doloroso e emocionante. Com certeza vou ler sabendo que vou chorar bastante.
    A capa realmente é maravilhosa. A DarkSide sempre capricha.

  • Maira Schein
    28 jan 2019

    Esse livro já tinha me chamado a atenção por essa capa fantástica, mas confesso que ainda não tinha lido a sinopse ou alguma resenha sobre. Parece ser um livro ótimo e fiquei muito intrigada com a história e como vai ser o relacionamento entre os personagens. A temática também me chamou a atenção porque o luto e a aceitação são coisas que fazem parte da vida de todo mundo em algum momento. Já vou adicionar o livro a minha lista de “para ler”.

  • Angela Cunha
    28 jan 2019

    Antes de tudo é preciso falar mais uma vez do trabalho impecável da DarkSide com suas capas. Danada de Editora incrível!!!
    Desde que vi este livro pela primeira vez e li uma resenha, foi impossível não mandá-lo para a lista de desejados.
    A grandeza do título, a pureza do enredo e o monte de sentimentos que com certeza, o leitor faz nesta viagem.
    Talvez sejamos nós, que iremos ser levados.
    Espero ter e ler a obra o quanto antes!
    Beijo

  • Ycaro Santana
    28 jan 2019

    Leve-Me Com Você têm uma premissa tão encantadora. Os personagens possuem características próprias que pode nos trazer diversas situações durante a narrativa, inclusive alguns que se completa de tão opostos que são. As crianças parecem dominar a obra com uma leveza surreal, além de completar sentimentos vagos no protagonista. A história delas com o pai também me tocou. Adorei!

  • Siga o @laoliphantblogInstagram