Resenhas 02mar • 2018

O Monstropor Guss de Lucca

O livro no Skoob e no Goodreads.

Gênero do Livro: Aventura, Fantasia, Ficção, Literatura Brasileira, Suspense e Mistério
Editora: Autopublicado
Ano de Publicação: 2017
1º livro da série O Monstro
Número de Páginas: 265
Código ISBN: 9788592265205

Obs: Este livro foi cedido em parceria com o autor para resenha.

Comprar: Amazon

Sinopse: "Se você acha que uma história de fantasia não precisa ser parte de uma saga ou trilogia e que o gênero está saturado de aventuras protagonizadas por guerreiros e magos, esse livro foi escrito para você" A frase acima está na contra capa do livro "O Monstro", suspense de fantasia que foge do que é habitualmente lançado no segmento. Nele, os protagonistas são jovens agricultores comuns (nada de guerreiros, magos ou predestinados), não existem criaturas fantásticas (como elfos, anões e demônios) e trata-se de uma história fechada (sem integrar trilogias ou sequências). A trama acompanha a vida dos amigos Augustus, Fabia e Milenna, que encontram nas mortes atribuídas a uma misteriosa criatura a chance de provar seu valor perante aos adultos e, assim, conquistar seus sonhos.

De uns tempos pra cá, eu comecei a perceber que os gêneros literários que eu costumava adorar estavam me cansando um pouco, principalmente distopias e fantasias. Então quando eu li a descrição de O Monstro, que usa a frase “Se você acha que uma história de fantasia não precisa ser parte de uma saga ou trilogia e que o gênero está saturado de aventuras  protagonizadas por guerreiros e magos, esse livro foi escrito para você”, eu fiquei bastante curioso. E para matar dois coelhos com uma cajadada, o livro ainda entra na minha meta de ler mais livros de autores nacionais.

Na região de Palma Oeste, os animais começar a desaparecer. Aos poucos, os habitantes começar a perceber que alguma criatura espreita nas florestas e logo aparecem as primeiras mortes. A partir do medo causado por esse suposto monstro, os jovens Augustus, Fabia e Milenna vêem uma oportunidade única de realizar seus maiores desejos, mas nem tudo é tão simples quanto parece.

“Perder-se na Floresta Intocada não era tarefa difícil. Das primeiras vezes que Augustus a levou à caverna, coisa de dois anos atrás, Fabia chegou a ficar tonta pela quantidade incalculável de tons de verde das plantas.”

A maior força de O Monstro é, sem dúvida, a escrita do Guss de Lucca. Além do começo que é um pouco devagar, o enredo do livro é muito bem construído e isso é graças a narração do autor. O world building foi super tranquilo, e ele conseguiu estabelecer o universo e os personagens bem rápido. No terceiro capítulo, eu já tive a sensação de que entendia muito bem o universo do livro. Além disso, os diálogos são todos em escritos e passam muito bem a ideia de que essas são pessoas de verdade conversando.

Outro ponto positivo do livro é o fato de que ele não se escora nos elementos clássicos da fantasia. Exatamente como aquela descrição promete, o livro entrega uma história de suspense e mistério, sem precisar utilizar os clichês das histórias de fantasias, como magos, dragões e maldições. Em vez de tudo isso, o livro utiliza de problemas e conflitos mais realistas o que dá um peso bem legal para a história.

Os personagens como eu já falei são bem construídos. Augustus, Fabia e Milenna são explorados de uma forma legal, mas eu gostaria de ver um pouco mais de cada um deles, principalmente de Milenna porque senti falta de mais um pouco de backstory para ela. Apesar disso, o livro consegue fazer você se apegar aos três de verdade e quando alguma coisa acontece com eles (sem entregar muito para não dar spoilers), você realmente sente o impacto que o livro quer que você sinta.

“A notícia logo se espalhou. Havia uma criatura solta na Floresta Intocada e devorando os animais da região.”

Os outros personagens não são ruins (eu pessoalmente gostei muito de Carpus), mas são realmente personagens de apoio. Ark e Hadrianus tem seus momentos, mas no geral, o livro pra mim foi a história de Augustus, Fabia e Milenna. E isso não é uma coisa ruim. Na verdade, é exatamente isso que deveria acontecer. E além disso, é sinceramente ótimo que o autor conseguiu equilibrar três protagonistas e dar o mesmo nível importância para todos eles.

O livro consegue fechar todos os plot lines que ele introduz muito bem, sem aquela chatice de tentar esticar a história para uma continuação. Apesar disso, eu fiquei bastante curioso sobre o que poderia acontecer com os personagens após a conclusão da história. É bem irônico que apesar de todas as reclamações que temos sobre continuações desnecessárias, quando eu pego um livro que conclui a história de uma forma definitiva, eu fico querendo saber o que acontece depois.

Como eu já tinha falado, eu ando meio cansado dos elementos clichês da fantasia, e O Monstro consegue evitar todos eles muito bem. Até mesmo quando ele se inspira nesses pontos de fantasia, ele sabe explorar-los de uma forma original e realista. O Monstro é bem mais um livro de suspense e mistério centrado em um universo inspirado na fantasia, do que um livro de fantasia propriamente dito, e eu fiquei muito satisfeito com essa leitura. Fico muito feliz em dizer que essa foi mais uma leitura nacional que me agradou nesse ano.

Gostou do conteúdo? Então não esqueça de se inscrever na newsletter do blog para acompanhar os próximos conteúdos!

Vinicius Fagundes ver todos os artigos
24 anos. Formado em Publicidade e Propaganda. Viciado em histórias. Desconhecido mundialmente.

Posts relacionados

Comente com o Facebook

Comente pelo WordPress

14 Comentários

  • […] sua primeira resenha publicada na internet, “O Monstro” recebeu críticas positivas de Vinicius Fagundes, do site La Oliphant. […]

  • […] pedido da publicitária Débora Costa, criadora do site La Oliphant, que já havia publicado uma crítica do livro “O Monstro”, escrevi um relato da minha experiência como autor autopublicado. Ficou […]

  • Ana I. J. Mercury
    31 mar 2018

    Oi Vinicius,
    eu gosto muito de fantasias, apesar de que não ando lendo muito ultimamente.
    Gostei muito de sua resenha.
    Monstro parece ser um livro bem original, com uma boa escrita e bom desenvolvimento da história.
    Vou querer ler sim!
    Os personagens parecem serem bem criados, o que torna ainda melhor.
    Abraços

  • Ana Carolina Venceslau Dos Santos
    31 mar 2018

    Achei um livro bem interessante eu adoro essa pegada de fantasia eu só fiquei curiosa em saber como é que eu posso adquirir o meu exemplar

  • suzana cariri
    10 mar 2018

    Oi!
    Confesso que também estou um pouco saturado desse tema, quando comecei a ler sempre peguei muita fantasia, mas de uns tempos para cá não estou lendo mais, quando vi esse livro a capa dele me chamou a atenção, mas gostei muito dessa premissa com a promessa de algo diferente, me deixou curiosa !!

  • GISLAINE LOPES
    09 mar 2018

    Oi Vinicius,
    Sempre fui muio fã de fantasia e com o tempo distopia, também se tornou um de meus gêneros favoritos, mas, assim como você, comecei a ter problemas com ambos os gêneros, algo que vinha me frustrando um pouco. Por isso, receber a indicação de um livro que possa me ingressar de cabeça neste tipo de história é uma bela surpresa. Ao inserir mistério na trama, Guss de Lucca fez com que O Monstro não fosse só mais um livro de fantasia e, sim, um livro com muitos elementos a serem explorados. Sobre o desenvolvimento da trama, como é um livro único, talvez, o autor devesse ter escrito mais algumas páginas para dar ao leitor mais de seus protagonistas, fazendo com a conexão com a história ficasse mais intensa. Ainda assim, fiquei bem interessada no enredo e curiosa para desvendar os mistérios Augustus, Fabia e Milenna irão encontrar.

  • Catarine Heiter
    06 mar 2018

    O anuncio deste livro na lateral deste blog, me chamou a atenção desde o início! Fiquei curiosa em saber como seria uma fantasia sem todos estes clichês fantasiosos… kkkk Que bom que a sinopse me agradou e que sua resenha contribuiu com a boa impressão que tive desde a chamada comercial do mesmo!

  • Raquel Rodrigues
    05 mar 2018

    Esse livro é bem diferente e por isso me interessou, realmente chega um tempo que fica tão cliche ter fadas e criaturas sobrenaturais nos livros, e gostei mt que esse vai para um lado mais realista. O que mais me interessou ainda é que o autor soube balancear os três personagens, dando destaques para os três, isso é bem raro de se ver e só por conta disso já me interessou!! É muito bom quando o livro cumpre tudo aquilo que prometeu !!! Quero muito ler e a capa é muito linda!!

  • Kleyse Oliveira
    05 mar 2018

    Que top. Primeiramente eu Adoreeeei as fotos, que talento e criatividade. Sobre o livro eu não conhecia absolutamente nada sobre, mas fiquei bastante instigada para ler mesmo não sendo um gênero que não leio muito. Fiquei muito interessada para ler . Beijos

  • Samantha correa
    04 mar 2018

    Nossa preciso ler esse livro. Como você estou meio cansada de livros d fantasia e ainda mais com continuação. Esse livro me encantou pela capa, achei mito elegante e simples ao mesmo tempo, gostei da história por ser um pouco diferente do que estamos acostumados. E melhor ainda por ser um autor nacional, precisamos dar mais valor a eles que estão melhorando suas escritas visivelmente.

  • MICHELLE RUSSO
    03 mar 2018

    Olá tudo bem? Fiquei surpresa com conteúdo do livro, uma leitura nacional com fantasia e forte embasamento em sua escrita foi o que mais me cativou em sua resenha, também fiquei muito curiosa com fato de ser uma fantasia fora da caixa adorei conhecer um pouco mais da história, até breve!

  • Pamela Liu
    02 mar 2018

    Oi Vinicius.
    Gosto bastante de livros únicos e é difícil encontrar livros de fantasia sem ser trilogia ou série.
    É bom saber que é bem escrito, tem bons personagens e que o autor conseguir dar um bom desfecho sem deixar pontas soltas.
    Até fiquei curiosa para saber mais sobre a história, mas não é um top desejado.
    Adorei a capa!
    Beijos

  • Eu adoro livros de fantasia, com todos os elementos que eles trazem, mas admito que a proposta de um enredo que utilize o fantástico como apoio é diferente e bem atrativa. Gostei do suspense que tu mencionou e da forma como o autor conseguiu driblar os clichês e construir sua própria trama. A coinstrução bem feita dos personagens é um dos pontos mais positivos em um livro pra mim, mas acho que eu sentiria falta de uma maior função para os coadjuvantes, afinal eles precisam de um motivo pra estarem ali. Gosto da capa, ela por si só já atrai a atenção do leitor.

  • Daiane Araújo
    02 mar 2018

    Oi, Vinicius.

    Acho que o livro se destaca por se diferenciar dos demais livros.

    Ao mesmo tempo, ele nos deixa querendo saber o que motivou a esses animais desaparecerem. Qual é a razão do tal monstro estar por trás disso…

  • O Usuário laoliphantblog não existe ou é uma conta privada.