Resenhas 13abr • 2019

A Paciente Silenciosapor Alex Michaelides

O livro no Skoob e no Goodreads.

Título Original: The Silent Patient
Gênero do Livro: Thriller, Mistério, Ficção
Editora: Editora Record
Ano de Publicação: 2019
Número de Páginas: 350
Código ISBN: 9788501116437

Obs: Este livro foi cedido pela editora em parceria para resenha.

Comprar: Amazon

Sinopse: Um assassinato, uma verdade oculta. As raízes do silêncio são muito mais profundas do que se pode imaginar. Alicia Berenson escreve um diário para colocar suas ideias em ordem. Ele é tanto uma válvula de escape quanto uma forma de provar ao seu adorado marido que está bem. Ela não consegue suportar conviver com a ideia de que está deixando Gabriel preocupado, de que está lhe causando algum mal. Alicia Berenson tinha 33 anos quando matou seu marido com cinco tiros. E nunca mais disse uma palavra. O psicoterapeuta forense Theo Faber está convencido de que é capaz de tratar Alicia, depois de tantos outros falharem. E, se ela falar, ele será capaz de ouvir a verdade?

De uns tempos pra cá, eu venho me interessando cada vez mais por thrillers e livros de mistério. Quando eu li a sinopse de A Paciente Silenciosa, imediatamente fiquei interessado em saber como a história desse livro ia se desenrolar. E fico feliz em dizer que o livro de estréia o Alex Michaelides entregou uma história muito bem construída, apesar de ainda não saber se gostei ou não do final.

Em A Paciente Silenciosa, Alicia Berenson é uma pintora famosa, casada com um fotógrafo de moda consagrado. Em uma noite, Alicia mata seu marido com cinco tiros. Mantida em um hospital psiquiátrico desde então, Alicia se recusa a dizer uma palavra sequer. O psicoterapeuta forense Theo Faber tem certeza que é o único capaz de entender a mente de Alicia e o que a levou a cometer esse horrível crime. Mas a verdade é bem mais complicada do que Theo poderia imaginar.

A escrita do Alex Michaelides é muito boa, e consegue passar muito bem todas as emoções da história. A narração do livro é dividida entre o protagonista, Theo, e as memórias de Alicia Berenson, registradas em seu diário.Eu tenho que admitir que me interessei mais pelos trechos narrados por Alicia, mas isso pode ser porque Theo é um protagonista um pouco difícil de gostar. Apesar de passar muito do livro falando sobre o quanto ele quer ajudar Alicia, fica muito claro que o que ele está fazendo na verdade é projetar seus próprios problemas nela.

Mas isso não quer dizer que Theo é um protagonista ruim. A backstory dele é muito interessante, e é bastante intrigante ver como os acontecimentos do passado dele moldaram a pessoa que ele é no presente da história. E o desenrolar da relação dele com a Alicia é muito interessante também, levando em conta o quanto ele se identifica com ela e o fato de que nas interações deles, ela não fala uma palavra sequer. Ou seja, a comunicação entre eles fica quase completamente nas mãos dele.

Os outros personagens são completamente coadjuvantes nessa história, o foco está completamente em Theo e Alicia. Apesar disso, as interações deles com os outros personagens são bem legais. O casamento de Alicia e Gabriel, de acordo com as memórias dela, é feliz, apesar de não ser livre de problemas. Por outro lado, a relação de Theo com sua esposa Kathy passa por momentos difíceis, e é visível como isso afeta a saúde emocional e mental dele.

O desvendar do mistério é realmente a base do livro e esse aspecto é executado muito bem. Eu realmente fiquei envolvido no mistério e queria de verdade saber porque Alicia Berenson matou o marido. A cada virada que a história tomava, eu ficava cada vez mais interessado no enredo. Eu mencionei no começo da resenha que não tinha certeza se tinha gostado do final ou não, mas acho que é porque eu já vinha imaginando que ia acontecer o que acontece quase no final da história. Apesar disso, é uma conclusão legal para o enredo.

Um fato que me surpreendeu no livro é que ele consegue balancear muito bem o mistério com o drama emocional dos personagens. Para alguém que esteja procurando uma história mais voltada para o mistério, um thriller propriamente dito, isso pode ser uma coisa negativa, mas eu gostei do fato do livro misturar as cenas sobre o mistério de Alicia Berenson com cenas sobre o passado difícil de Theo, e sobre a infância complicada de Alicia. Isso acrescentou uma carga emocional aos personagens e deu mais peso para as revelações que o livro apresenta. Não sei se agradaria a um público que goste mais do mistériol, mas funcionou pra mim.

No geral, A Paciente Silenciosa é uma história de mistério bem construída, com uma base emocional bastante forte. O livro tem uma história muito interessante, do tipo que é impossível de largar. A escrita do Alex Michaelides é muito boa, e eu fiquei realmente impressionado de esse ser o livro de estréia dele. Eu com certeza vou ficar atento para notícias do próximo livro dele, porque ele me impressionou muito nessa leitura.

Vinicius Fagundes ver todos os artigos
24 anos. Formado em Publicidade e Propaganda. Viciado em histórias. Desconhecido mundialmente.

Posts relacionados

Comente com o Facebook

Comente pelo WordPress

5 Comentários

  • Kleyse Oliveira
    16 abr 2019

    Primeiramente. QUE AMOR DE FOTOS Sou muito apaixonada nessas fotos de vocês, uma inspiração para mim.

    Segundamente, só de ver essa capa do livro já sei que é uma história muito tensa só de ver a sinopse e o título.
    Não sou chegada a histórias assim mas de vez em quando eu me arrisco nesses tipos de leitura.

    Gostei da resenha, bem explicativa e precisa.

  • Fabiana Scola
    15 abr 2019

    Eu adoro thriller, então qualquer comentário positiva que tu fez sobre essa narrativa só contribuiu pra eu querer ler ainda mais. O título assim como a capa são pertubadores, com eles se abre um baita leque do que pode ser tratado o filme e qual rumo vai pegar. Ser ambientado num hospício, deve deixar a história bem pesada, incluindo o drama emocional que tu comentou.. se for uma trama bem montada mesmo, torço para que o fim n me decepcionei ou me deixe na dúvida como pra ti. ADOREI a dica

  • Tereza Cristina Machado
    15 abr 2019

    Quando li a sinopse já fiquei interessada, essa é curta e já disse pra que veio (gostei disso).
    Me interessei por esse suspense e principalmente por essa projeção dos personagens, pq a vida é olhar o outro e enxergar algo de si … achei esse lado psicológico muito interessante … e o que acontece no final, pq ele matou o marido? Óbvio que fiquei curiosa e vai direto pra listinha rs!

  • Elizete Silva
    15 abr 2019

    Olá! O livro parece ser muito bom, embora eu não esteja acostumada a ler esse gênero (fato que pretendo mudar agora em 2019), todo esse mistério é algo que chama bastante minha atenção, pois acabamos criando várias teorias que nem sempre são as corretas, essa busca para descobrir porque Alicia matou o marido, e ainda acompanhar os conflitos de Theo, provavelmente me deixará grudada no livro até que eu chegue ao final da história.

  • Angela Cunha
    15 abr 2019

    A primeira resenha que li deste livro dizia praticamente a mesma coisa, sobre o fato da autora não ter conseguido dosar na medida certa, drama e suspense. E para quem é fã de um dos dois gêneros, talvez isso não seja tão legal né?
    Eu não me prendo muito a isso não.rs Então sei que vou gostar e muito da leitura desta obra.
    Isso de ser inocente ou culpada, de guardar o segredo e de ir jogando o passado no presente, é algo que me agrada bastante!.
    O título e capa deste livro são incríveis e quero com certeza, ler esta obra o quanto antes!
    Beijo

  • Siga o @laoliphantblogInstagram