livros
Categoria(s): livros

Você me ganhou no olá, de Alexis Daria

de Alexis Daria
Título Original: You Had Me at Hola
Gênero do Livro: Contemporâneo, Ficção, Romance
Editora: Harlequin
Ano de Publicação: 2021
Número de Páginas: 321
Série: Primas of Power
Código ISBN: 9786587721668
Sinopse: Após um término complicado (e muito público), a atriz Jasmine Lin Rodriguez volta a Nova York para assumir o papel principal numa série romântica no maior serviço de streaming do país, determinada a se concentrar apenas em seu trabalho... até que uma mudança no elenco traz o rei das novelas latinas, Ashton Suarez ― ¡El León Dorado!, ¡El Hombre Seductor! ―, como seu par romântico. Depois que seu último personagem foi morto subitamente, Ashton anda preocupado com a possibilidade de que sua carreira também esteja nas últimas. Então, quando a chance de protagonizar um seriado norte-americano aparece, ele sabe que não pode desperdiçá-la, a fim de atrair o olhar de Hollywood. E tudo vai depender de sua química em frente às câmeras com Jasmine. Mais fácil falar do que fazer, aparentemente, porque Ashton não consegue parar de passar vergonha na frente de sua linda colega de trabalho. Com suas carreiras em jogo, Jasmine e Ashton sabem que devem dar tudo de si, nem que para isso precisem ensaiar sozinhos e inventar maneiras de ficar confortáveis um com o outro. O problema é quando a química não acontece apenas na frente das câmeras, e o foco da mídia em Jasmine passa a ameaçar o segredo mais importante de Ashton.

resenha-voce-me-ganhou-no-ola-de-alexis-daria

Às vezes, tudo o que você precisa na sua estante é de um livro leve, divertido e com cenas quentes que vão compensar qualquer outra leitura ruim que você tenha tido nos últimos tempos. Você Me Ganhou no Olá é, definitivamente, esse livro.

Confesso que, quando eu peguei Alexis Daria para ler, eu não tinha grandes expectativas para a leitura. Eu sabia que seria um livro divertido, cheio de cultura e referências as novelas que eu assistir no SBT quando criança, mas eu não tinha a menor ideia do quanto eu iria me apaixonar por essa autora.

De ante mão, você precisa saber que Você Me Ganhou no Olá não é um livro que acompanha um grande plot ou traz grandes reviravoltas. Com personagens simples e destrambelhados, Daria aposta todas as suas fichas em um romance *caliente* para conquistar os leitores.

E o que eu posso dizer? Funcionou comigo.

Um livro cheio de cultura e paixão

Eu não consigo dizer não para um livro que traz, no seu enredo, o peso de toda uma cultura.

Quem cresceu assistindo novelas como Maria do Bairro ou A Usurpadora com certeza vai se sentir em casa com esse livro, afinal, a nossa protagonista está prestes a levar a cultura das novelas latinas para uma série de TV que, seria basicamente a versão de Alexis Daria da Netflix.

A representatividade nesse livro é muito forte e eu adoro que a autora não economize nas frases de efeito, nas referências a cultura e na forma como o romance do livro se desenvolve ao longo dos capítulos.

Você Me Ganhou no Olá não foi escrito para ser um livro cheio de drama, mas sim um romance para quem gosta de acompanhar dois protagonistas emocionalmente calejados encontrando o amor mais uma vez — e de uma maneira totalmente inesperada e atrapalhada.

A escrita de Alexis Daria não decepciona

Se Você Me Ganhou no Olá não te conquistar na estética latina, com certeza ele vai te conquistar na escrita da Alexis Daria.

Apesar da proposta do livro não ser um plot muito complexo e cheio de nuances, Alexis sabe trabalhar os elementos que trouxe para o livro e usa e abusa dos mesmos para que o seu enredo caminhe na direção que ela deseja.

A forma como ela entrelaça as cenas e as emoções dos personagens é muito interessante. Isso nos dá espaço para conhecer não só o que a nossa protagonista é sentindo, como também o nosso herói.

Inclusive, gostaria de pontuar nessa resenha que: Daria fez um excelente trabalho trazendo personagens que são extremamente vulneráveis e deixando seus medos aflorarem ao longo da narrativa.

Talvez eu tenha gritado sozinha, igual uma louca, torcendo para que Ash e Jaz ficassem juntos (mas só Deus pode confirmar essa informação).

Jaz é uma protagonista maravilhosa

A forma como Alexis Daria faz uma crítica a forma como a mídia aborda famosos é bem interessante.

Acompanhamos Jasmine e seu término trágico com um outro artista famoso ser capa de diversas revistas e colocá-la em uma posição de fragilidade que, honestamente, eu nem acho que ela estava antes das coisas tomarem essa proporção toda.

Ter uma protagonista que se mostra vulnerável desde a primeira página é interessante. Apesar de ser uma força nas telenovelas e ter um talento inegável para atuar, Jasmine ainda é, em muitas formas uma mulher que anseia por viver uma grande paixão.

Talvez seja por isso que o seu plano de se tornar uma mulher de sucesso foi ladeira abaixo quando Ashton entra em cena. Se entregar a uma grande paixão não anula (nunca) você ter a sua carreia dos sonhos, e acho que a autora conseguiu passar muito bem essa mensagem.

Às vezes o livro ganha na simplicidade

Eu gosto muito de reforçar que nem todo o livro precisa de um grande enredo.

Uma das coisas que me atraem nos romances é, principalmente, a possibilidade de transformar algo simples em uma leitura maravilhosa — e Alexis Daria faz isso muito bem. Com uma escrita muito fluída e personagens divertidos, Você Me Ganhou no Olá tem todos os elementos que fazem com que um leitor se torne apaixonado por um livro.

Eu, particularmente, me identifiquei com todas as inseguranças dos nossos protagonistas. Me diverti com as suas situações atrapalhadas e torci até a última página para que eles pudessem ficar juntos e felizes.

E não é isso que faz um bom romance?

Você Me Ganhou no Olá definitivamente entrou para a minha lista de favoritos de 2021 e eu tenho certeza que é uma leitura que vai te conquistar.

Gostou? Compartilhe!pinterest twitter facebook
Débora Costa

Uma intelectual contemporânea que entende a importância da convergência de mídias, telas e narrativas. Acompanhando mais séries do que deveria e não consigo fazer uma coisa de cada vez. Ainda quero escrever um romance de época um dia.

Deixe seu comentário

  1. Michelle Lins de Lemos comentou:

    Eu ameeeeiii esse livro!
    Dei um berro quando vi as referências às grandes novelas clássicas mexicanas.
    Já tô ansiosa pelo livro da prima

  2. Angela Cunha Gabriel comentou:

    Doidinha por esse livro desde que foi lançado, mas não consegui ler rs Me lembra tanto aquelas novelas mexicanas(eu não perdia nenhuma) que passava no Sbt há muito tempo rs
    Essa representatividade, o romance leve, as diferenças e tudo mais. Acredito que seja isso que estejamos precisando no momento: leveza e descontração!!!
    Espero ler em breve!!!
    Beijo

    Angela Cunha/O Vazio na flor

  3. Ariela comentou:

    Eu adoro livros leves para ler entre leituras mais densas, sempre gosto de ter um pronto se eu precisar e esse tem muito cara de ser assim mesmo. E ainda essa questao de mostrar as novelas mexicanas, como é a parte de atuar e tals, os bastidores disso, é bem interessante.
    Eu to bem curiosa pra ler o livro e espero me encantar também pela historia.
    Essa capa acho muito bonita!!!

  4. Nathalia Maria Barros Possidonio comentou:

    Nossa, esse é um livro que eu fiquei doida pra comprar quando lançou mas eu vi tanta gente falando mal que acabei perdendo a vontade
    Mas agora vendo sua resenha ele me instigou de novo!! Acho que muita gente começa a ler ele com muita expectativa ou esperando que tenha algo muito UAU, mas as vezes o livro é só um romance gostosinho mesmo, pra passar o tempo e talvez até tirar alguns ensinamentos (ou não, e tá tudo bem)… Vou dar uma chance pra ele <3

  5. Nathalia Maria Barros Possidonio comentou:

    Esse livro está em promoção, to quase comprando kkkkk mas to com vários pra ler na estante, então vou tentar esperar um pouco pra comprar ele (não adianta comprar e não ler né haha)

  6. Nathalia Maria Barros Possidonio comentou:

    Queria que o dia tivesse 50 horas pra dar tempo de estudar, trabalhar e ler bastante hahaha, mas a gente vai tentando ler um pouquinho por dia pra também não ficar sem ler nada

  7. Nathalia Maria Barros Possidonio comentou:

    Obviamente tem dias que a gente não quer ler nada né, mas eu sempre tento respeitar meu tempo… Muitas vezes tenho preguiça de ler, mas aí eu dou uma esforçadinha e dá tudo certo

  8. Nathalia Maria Barros Possidonio comentou:

    A capa desse livro me ganha demais (o trocadilho kkk) pelo desenho, eu sou completamente rendida por capas com desenhos kkk amo demaiss, e está tão bem feito!! Arrasaram demais

  9. ELIZETE SILVA comentou:

    Olá! Hahaha que eu não tinha ligado essa referência em relação as novelas mexicanas, que aliás, eu amo, até hoje dou uma zapeada pelos capítulos, Maria do Bairro e A Usurpadora são as minhas favoritas e só por isso, o livro passou de queridinho para muito necessário, fiquei bem empolgada em relação a leitura e toda diversão que me aguarda.